Três policiais militares foram presos após investigação da Deicor. - 07/03/2014

Operação Kidnap: Polícia Civil prende PMs suspeitos de extorquirem comerciantes

A equipe de policiais civis da Divisão Especial de Investigação e de Combate ao Crime Organizado (Deicor), comandadas pelas delegadas Sheila Freitas e Danielle Filgueira, deflagrou nessa sexta-feira (07/02), a Operação Kidnap (do inglês, que significa raptar), com o objetivo de prender uma quadrilha que vinha praticando extorsão mediante seqüestro contra comerciantes em Natal. Ao todo cinco pessoas foram presas, dentre eles três policiais militares.

Os presos são os soldados da Polícia Militar, Marcelo Galdino Galvão e Daniel Elias da Costa Júnior, além do Cabo reserva da PM Umbelino Francisco Filho, o taxista Edson Lima dos Santos, mais conhecido como “Edson Tubarão”, e o entregador André Luís Fernandes. De acordo com as investigações Edson dava apoio à quadrilha e André Luís escolhia os alvos, bem como se passava por delegado durante a abordagem às vítimas. Eles estão sendo autuados por extorsão mediante seqüestro, roubo, usurpação da função pública, porte ilegal de armas e munições e formação de quadrilha. Marcelo Galdino já respondeu na Justiça por extorsão.

No dia de hoje (07) foram cumpridos três mandados de prisão temporária e sete de busca e apreensão expedidos pela 4ª Vara Criminal de Natal. Os mandados foram cumpridos nas cidades de Natal e São Gonçalo. Umbelino foi preso na última sexta-feira (28) em flagrante pegando dinheiro de extorsão e André Luís foi preso ontem (06). Com eles foram apreendidos vários potes de suplementes alimentares para atletas, além de uma vasta quantia em dinheiro, nove armas de fogo, munições, capuzes e um distintivo da Polícia Civil.

Segundo a delegada Sheila Freitas, os acusados abordavam comerciantes, geralmente donos de lojas de suplementos alimentares, se passavam por policiais civis usando distintivo e armas de grosso calibre e alegavam que as vítimas estavam vendendo produtos ilegais. Os bandidos detinham as pessoas, colocavam dentro de um carro e no caminho faziam ameaças e extorquiam pedindo altas quantias em dinheiro para que as estas não fossem presas. Eles agiam com agressividade na maioria dos casos e perseguiam as vítimas. “Os alvos eram escolhidos a dedo pela quadrilha, eles investigavam a vida dessas pessoas para saber se elas tinham algum poder aquisitivo”, explicou.

As investigações da Especializada em torno dos crimes praticados pelos acusados já duram quatro meses. A titular da Deicor acredita que o bando vinha agindo há muito tempo, devido a quantidade de bens de alguns dos acusados, alguns destes ostentando carros de luxo, jóias e objetos de grande valor. Ela também afirmou que ainda há outros envolvidos no bando a serem presos pela polícia.Portal BO.

 

Comente

energia - 07/03/2014

Governo antecipa R$ 1,2 bilhão para distribuidoras de energia

O Tesouro Nacional decidiu antecipar R$ 1,2 bilhão para as concessionárias de distribuição de energia elétrica até a próxima terça-feira (11), para neutralizar as despesas das empresas. A informação foi dada hoje (7) pelos ministérios de Minas e Energia e da Fazenda. Os recursos são uma antecipação do orçamento de R$ 9 bilhões, previsto para a Conta de Desenvolvimento Energético (CDE).

Além do custo mais alto da energia com o uso de termelétricas, as distribuidoras não conseguiram contratar toda a eletricidade necessária nos últimos leilões do governo, por falta de oferta, e por isso precisaram comprar energia no mercado de curto prazo, que custa mais caro, para abastecer os consumidores. O prazo para as distribuidoras pagarem as garantias no mercado de curto prazo vence na próxima terça-feira (11).

Segundo a nota divulgada hoje, o governo avalia as alternativas de solução para os problemas enfrentados pelo setor elétrico, mas não informou se pretende emitir títulos da dívida pública ou abrir crédito especial no Orçamento. O texto diz que o governo deve anunciar as devidas providências, “com a brevidade que o caso requer”, até o dia 9 de abril, que é a data que as distribuidoras devem fazer a liquidação financeira no mercado de curto prazo.

No ano passado, o governo também autorizou aporte de recursos na CDE, para diluir o impacto dos custos adicionais com o acionamento das usinas termelétricas, que produzem energia mais cara. As usinas foram acionadas por causa do período de poucas chuvas e a baixa no nível dos reservatórios das hidrelétricas. A CDE é um fundo do governo federal, usado para universalizar a energia elétrica no país e financiar a redução na conta de luz dos brasileiros.Tribuna do Norte.

Comente

Brasil Mais Seguro - 07/03/2014

MPjTCE investiga possíveis perdas de recursos do Programa Brasil Mais Seguro

O Procurador-Geral do Ministério Público de Contas, Luciano   Ramos, instaurou procedimento preparatório, a fim de apurar as informações encaminhadas pela Comissão de Segurança Pública e Trânsito da Ordem dos Advogados do Brasil do Rio Grande do Norte – Subseção de Mossoró. As informações apontam possíveis perdas de recursos do Programa Brasil Mais Seguro, do Governo Federal, em decorrência do descumprimento das contrapartidas assumidas pelo Governo do Estado dentro do referido programa, mais especificamente no tocante às nomeações de concursados da Polícia Civil, o que pode ensejar a atuação do controle externo exercido pelo Tribunal de Contas.

De acordo com o Demonstrativo da Despesa com Pessoal, do 3º quadrimestre de 2013, apresentado pelo Governo do Estado, o Poder Executivo ultrapassou o limite prudencial estabelecido pela Lei de Responsabilidade Fiscal – LRF, atingindo R$ 3.298.767.266,91 em despesa com pessoal para fins de apuração do limite, para uma Receita Corrente Líquida de R$ 6.868.758.196,78, o que representa um percentual de 48,03%, quando a LRF estabelece um limite prudencial de 46,55% e um limite legal de 49% (Fonte: Anexo XV, SIAI). O  MPjTCE destaca a necessidade de se buscar informações complementares, visando ao levantamento de documentos de maneira completa e detalhada do assunto em questão.

 

Comente

Imposto de Renda - 07/03/2014

Cerca de 560 mil contribuintes já entregaram Declaração do Imposto de Renda

Banner Imposto de Renda

 

Até as 17h de hoje (7), cerca de 560 mil contribuintes enviaram a Declaração do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) à Receita Federal. Neste ano, o Fisco espera receber 27 milhões de declarações. Ontem (6), no primeiro dia de entrega, 418.163 declarações foram transmitidas. De acordo com a Receita Federal, o número é 51% superior ao do primeiro dia de envio das declarações em 2013.

O prazo para entrega vai até 30 de abril. O programa gerador está disponível na página da Receita Federal na internet desde o dia 26 de fevereiro, mas a transmissão dos formulários só começou ontem, às 8h, assim como a liberação do aplicativo que permite o preenchimento da declaração em tablets e smartphones.

Neste ano, os contribuintes com certificação digital ou representantes com procuração eletrônica receberão, pela primeira vez, a declaração pré-preenchida. Por meio do Centro Virtual de Atendimento da Receita (e-CAC), eles têm acesso ao documento preenchido com antecedência pelo Fisco e só precisam confirmar as informações para enviar a declaração.

As regras para o preenchimento da declaração foram divulgadas no dia 21 de fevereiro no Diário Oficial da União. Como nos outros anos, o contribuinte que enviar a declaração no início do prazo deverá receber a restituição nos primeiros lotes, a menos que haja inconsistências, erros ou omissões no preenchimento.

Também terão prioridade no recebimento das restituições os contribuintes com mais de 60 anos, conforme previsto no Estatuto do Idoso, além de pessoas com doença grave ou deficiência física ou mental.Agencia Brasil.

Comente

Paoulla Maués diz que pelo menos 2 crianças e 3 adolescentes foram vítimas. Suspeito, Adevaldo Santos de Oliveira, de 30 anos, nega os crimes. - 07/03/2014

São Rafael:'Criança tem marca de mordida', diz delegada que apura estupros

Adevaldo Santos de Oliveira foi preso em São Rafael (Foto: Divulgação/Polícia Civil do RN)

 

“A perícia feita no corpo de um menino de 10 anos mostra marca de mordida na nádega dele”, revelou ao G1 a delegada Paoulla Maués, responsável pela investigação que apura casos de estupros que têm como vítimas crianças da cidade de São Rafael, município distante 125 quilômetros de Natal. Segundo ela, além de dois meninos, um de 8 anos e outro de 10 anos, três adolescentes também teriam sofrido abusos sexuais - entre eles uma menor de 16 anos, atual companheira do suspeito preso nesta sexta-feira (7). “Acreditamos que há mais vítimas, mas como são menores, têm medo de falar”, acrescentou.

A investigação foi revelada nesta sexta-feira (7) após a prisão do desempregado Adevaldo Santos de Oliveira, de 30 anos. As vítimas, segundo a delegada, teriam sido atraídas até a casa do suspeito sob o pretexto de jogar videogame. Adevaldo admite ter chamado os garotos para jogar na casa dele e de ter dado sorvete às crianças, mas nega ter abusado sexualmente dos meninos.. “Ele relata que está sendo vítima de uma armação. Pessoas desafetas dele querem incriminá-lo e usaram as crianças para inventar estas acusações”, disse o advogado Ivanaldo Paulo Salustino e Silva. G1RN.

Comente

Sílvio Brito, da Promotoria de Apodi, promoverá almoço de degustação. Ideia surgiu para dar destinação a 600 animais apreendidos nas estradas. - 07/03/2014

Promotor propõe carne de jumento na alimentação de presos do RN

Jumentos recolhidos em estradas pernambucanas são levados ao Parque Ecológico (Foto: Odacy Amorim/ Arquivo pessoal)

 Carne de jumento no cardápio dos detentos do sistema penitenciário do Rio Grande do Norte. É o que propõe o promotor Sílvio Ricardo Brito, da 2ª Promotoria de Apodi, cidade do Oeste do estado, para dar uma destinação aos cerca de 600 animais apreendidos nas estradas federais que passam pela região. A proposta será pauta de um almoço marcado para a próxima quinta-feira (13), oportunidade na qual autoridades convidadas experimentarão pratos com carne de jumento. "Vão comer e saber que é uma alimentação saudável", diz o promotor.G1RN.

Comente

MOMEAÇÕES - 07/03/2014

Lajes: MP quer impedir a nomeação de cargos comissionados

O Ministério Público do Rio Grande do Norte, por meio da Promotoria de Justiça da comarca de Lajes, entrou com Ação Civil Pública, com pedido de liminar, para anular as nomeações para cargos comissionados promovidas pelo presidente da Câmara Municipal, Clóvis Secundo Vale.

Em 2012, o MP constatou em investigações que vários cargos na Câmara são preenchidos ilegalmente por comissionados, diante disso, a Promotoria requuisitou ao presidente do legislativo municipal a relação dos servidores que prestam serviços a casa e solicitou a idealização de concurso para ocupar as vagas. Já o presidente da câmara informou que o planejamento orçamentário do ano de 2013 havia sido feito, impossibilitando o projeto para seleção de novos servidores.

Segundo a Promotoria de Justiça, “o que se objetiva é o cessamento da imoralidade no trato da coisa pública, em completa incongruência com as normas constitucionais que regem a espécie. A contratação sem critério ou base legal, fora dos casos constitucionalmente admitidos, está proximamente relacionada, e em confronto direto, com a moralidade administrativa, vez que o serviço público está privado do recrutamento dos melhores indivíduos, escolhidos mediante um critério objetivo (concurso público).”

Ainda segundo a Promotora,  o que se vê evidenciada, “é a institucionalização de uma fórmula mirabolante, com a conivência dos aparelhos de controle interno e externo da Administração, que viabiliza uma espetacular fonte remuneratória para parentes e protegidos, ou mesmo, a solução “legal” para viabilizar apoios políticos, na maioria das vezes mediante tráfico de influências”.

O ajuizamento da ACP tem como objetivo também impedir de imediato a contratação de novas pessoas para cargos em comissão. De acordo com o artigo 37, inciso IX da Constituição Federal, “a lei estabelecerá os casos de contratação por tempo determinado para atender a necessidade temporária de excepcional interesse público”.

O Ministério Público requer na ação que seja determinada a fixação de multa diária caso o presidente da Câmara descumpra eventual decisão. 


 

Comente

TCE-RN - 07/03/2014

TCE responde a consulta da Câmara Municipal de Nova Cruz sobre renumeração de servidores comissionados

Respondendo à consulta realizada pelo presidente da Câmara Municipal de Nova Cruz, vereador Thiago da Costa Vicente, questionando sobre a aplicação do 13º salário e as férias acrescidas de 1/3, assunto que interessa a todos os municípios. O presidente do TCE, Paulo Roberto Chaves Alves, relatou na sessão do Pleno desta quinta-feira (06/03), parecer efetivado pela Consultoria Jurídica do órgão.
Veja a íntegra do Relatório a seguir:

Comente

acusados de roubo - 07/03/2014

Três homens foram presos acusados de roubo de criação em Governador Dix Sept Rosado

criacao

 criacaooqw

 criacaoort

 

Policiais Militares de Governador Dix Sept Rosado conduziram a DEFUR em Mossoró,três indivíduos acusados de roubo de criação (cabra) naquela cidade

Pedro Paulo de Almeida Silva, 25 anos de idade, Marcelo Dantas de Andrade, de 19 anos e Leandro Melo de Lima de 20, todos residentes na zona urbana de Governador Dix Sept Rosado.

A vítima dono do sítio de onde os elementos roubaram as criações, Sebastião tertuliano disse que desde ano passado, vinha sentindo a falta de animais, mas nunca conseguiram identificar os responsáveis pelo desaparecimento dos animais.

Na manhã desta quinta feira 06 de março, depois que notou o desaparecimento de uma cabra, o criador seguiu as pegadas dos indivíduos até uma residência na Rua Vereador Armando Filho e conseguiu localizá-los.

A Polícia Militar foi acionada e conseguiu prender os indivíduos que ainda estavam cortando a cabra. A motocicleta utilizada pelos mesmos foi localizada ainda suja de sangue do animal.

Os três indivíduos foram apresentados ao Delegado da Especializada em Furtos e Roubos Luiz Fernando,que adotou as medidas cabíveis.O Camera 2.

Comente

Luiz Almir narrou episódio que foi protagonizado pelo ex-prefeito Flávio Veras - 07/03/2014

Luiz Almir chama ex-prefeito de Macau de “bêbado” e “moleque” por briga com Barão

BaraoVeras

 

O ex-prefeito de Macau, Flávio Veras, já até pediu desculpas, contudo, o ato dele durante o carnaval da “Terra do Sal”, ao tentar expulsar do trio elétrico da banda Grafith o campeão potiguar do UFC, Renan Barão, continua rendendo críticas. Na manhã de hoje, o vereador de Natal, Luiz Almir, do PV, usou o programa dele na rádio 96 FM para criticar a atitude do ex-gestor municipal e o chamou de “moleque” pelo acontecido. “Numa cidade pacata como Macau, o maior moleque foi o ex-prefeito Flávio Veras”, afirmou Luiz Almir.

Para quem não ficou sabendo, a confusão entre Flávio Veras e o lutador Renan Barão aconteceu no domingo de carnaval. Barão, que cobra cachê de alguns milhares de reais para ir a eventos públicos e fazer publicidade, foi gratuitamente para a festa em Macau, por gostar da cidade e ter sido convidado pela banda Grafith, parceira dele há algum tempo. Contudo, o ex-prefeito pareceu não ter se dado conta do poder de repercussão do lutador campeão mundial e, quando Barão subiu no trio do Grafith, pelo simples fato de não ter a camisa do carnaval custeado pela Prefeitura (ou seja, com recursos públicos), tentou expulsa-lo aos gritos.

Flávio Veras “só vive bêbado”, afirmou Luiz Almir durante o programa de rádio. “Não pode mais ser candidato, porque já responde a processo, aí botou um funcionário de uma loja dele para ser candidato, mas quem manda em Macau é ele”, acrescentou o vereador de Natal, contando, com as palavras dele, como foi a confusão entre lutador e ex-prefeito.

Conforme narrou Luiz Almir, Barão, defendido pela banda Grafith, não aceitou descer do trio. Contudo, o ex-prefeito ameaçou não pagar o cachê da banda caso o lutador permanecesse no carro. “Flávio chamou o prefeito e disse: ‘quem manda nessa por** não sou eu não?’ Aí o prefeito: ‘é sim’. Então bota (Barão) para descer do trio”, continuou Luiz Almir.

Com um sangue frio de quem ganha a vida lutando dentro do octógono do UFC, maior evento de MMA do mundo, e não brigando nas ruas ou festas, Barão evitou continuar a confusão e saiu de perto do ex-prefeito. Depois, a mulher de Flávio Veras ainda tentou amenizar a repercussão, pedindo desculpas ao lutador.

Porém, isso não impediu que blogs da região divulgassem a atitude intempestiva de Flávio Veras, que evidenciou o que foi dito por Luiz Almir: é o ex-prefeito o dono da gestão. Fato polêmico, inclusive, porque o ex-prefeito é investigado pelo Ministério Público do RN por contratar bandas para o carnaval de Macau pagando um valor superfaturado, a chamada operação Máscara Negra.Jornal de Hoje.

Comente

O show de críticas entre os dois parlamentares não encerrou nas acusações de irregularidades entre os municípios nos quais ambos têm interesse político-e - 07/03/2014

Deputados potiguares trocam graves acusações e ‘fecham o tempo’ no Twitter

GeroXNelt

 

Em discussão no Twitter, o deputado estadual George Soares (PR), liderança política do município de Assu, mandou o deputado estadual Nélter Queiroz (PMDB) “ir para a praia pescar” por estar “muito irritado e desequilibrado”. “Caro deputado vá pra praia pescar. Você está muito irritado e desequilibrado. Acho que o carnaval não foi pra você. Abraço e bom dia”, disse George, em meio a um debate acalorado que chamou a atenção dos seguidores de ambos esta manhã.

Tudo começou quando Nélter publicou no Twitter uma notícia, dando conta de que um homem havia morrido em Assú, após ter o atendimento negado no Hospital Regional de Assu, base política do deputado estadual George Soares e onde Nélter tenta ter alguma ascendência eleitoral. “Lamentável, na cidade do deputado filho da terra”, provocou Nelter.

Foi o suficiente para, do outro lado da timeline, o deputado agredido revidar com ataques ao peemedebista. “Quem comanda o hospital de Assu é seu aliado, amigo e rosalbista o prefeito de Assu. Todos os cargos, todos. Você apoiou seu governo”, disse Soares, querendo associar Nélter ao desgaste da governadora Rosalba Ciarlini (DEM) no município.

George faz oposição a Ivan Júnior, prefeito de Assu, que é do PP, partido do cunhado da governadora, mas que, hoje, é ligado ao PMDB, que faz oposição a Rosalba. Já o PR, em que pese hoje estar fora do governo, foi, até recentemente, aliado político. E quem foi aliado de Rosalba até recentemente, encontra dificuldades para justificar essa aliança perante o eleitorado.

A confusão no Twitter, entretanto, estava só começando. Como resposta à contra-ofensiva de George, que apontou Ivan Júnior como responsável pelo caos no hospital regional, Nélter demarcou que “sempre” foi contra a gestão Rosalba Ciarlini, a quem cabe gerir o equipamento público. “Sempre fui contra esse governo de Rosalba. A discussão é outra”, despistou Nélter. “Sempre fui contra esse governo. A discussão é cobrar responsabilidade da Secretaria de Saúde do Estado”, afirmou, partindo para mais um ataque.

“George, você está um verdadeiro ‘galo de campina’, depois da eleição para prefeito do Assu, quando Ivan lhe derrotou com mais de 11 mil votos de maioria. Parece que você tem um trauma com esse ’11′ mil. Aliás, o 11 em Assu é comandado pelo deputado Betinho Rosado”, satirizou Nélter, ao fazer menção ao PP, partido do cunhado da governadora.

Na sequencia, George não deixou por menos, passando a atacar a gestão do prefeito Ivan Júnior, apoiado pelo peemedebista, e inserindo Jucurutu, cidade administrada pelo filho de Nélter, George Queiroz, na confusão do debate. “Deputado Nélter, Assu está sem prefeito, sem carnaval, sem saúde e sem educação. Semelhanças com Jucurutu. E você apoiou as 2 administrações”, esculachou. “Nélter, peça a seu prefeito. Ele comanda o hospital. Dos empregos aos recursos. Até um pronto atendimento tem lá. Não funciona. Nos ajude a saber de quem é a culpa (pela morte do cidadão) para cobrarmos. O governo da rosa em Assu é 11. Fica a dica”, disse George, que também respondeu sobre a pecha de galo de campina, lançada por Nélter. “Deputado, você chamando os outros de galo de campina… O RN está num fundo do poço mesmo. Vai tomar o lugar do Papa”, disse.Jornal de Hoje.

Comente

seca - 07/03/2014

Armando Ribeiro perde mais de 1 bilhão de litros d’água por dia

As chuvas que caíram mês passado no interior do Rio Grande do Norte encheram alguns açudes, levaram alívio à população de alguns municípios em estado de emergência, mas não foram suficientes para melhorar os níveis nos principais reservatórios do Estado. A Barragem Armando Ribeiro Gonçalves, em Assu, continua secando e, atualmente, está com pouco mais de 32% de sua capacidade total. É o percentual mais baixo da história. Por dia, a barragem está secando 1,07 bilhão de litros d’água para abastecer 34 cidades.Barragem Armando Ribeiro é responsável pelo abastecimento de 34 municípios potiguares

 Barragem Armando Ribeiro é responsável pelo abastecimento de 34 municípios potiguares.Tribuna do Norte.

Comente

Eugênio Becegato Júnior aguardava julgamento no CDP de Parnamirim. Clara Rubianny, 26 anos, foi morta em um apartamento na zona Sul de Natal. - 06/03/2014

Empresário acusado de matar jovem pernambucana no RN foge da cadeia

Eugênio Becegato Júnior foi preso na Bahia (Foto: Divulgação/Polícia Rodoviária Federal do RN)

 Fugiu da cadeia – em circunstâncias ainda a serem esclarecidas – o empresário paulista Eugênio Becegato Júnior, acusado pelo Ministério Público de matar a jovem pernambucana Clara Rubianny Ferreira, de 26 anos, crime ocorrido em julho do ano passado dentro de um apartamento no bairro de Ponta Negra, na zona Sul de Natal. Segundo informações repassadas com exclusividade ao G1 pelo Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte, a fuga aconteceu no último dia 16 de fevereiro no CDP de Parnamirim, unidade de detenção provisória localizada na região metropolitana da capital potiguar. A juíza Eliana Alves Marinho, da 1ª Vara Criminal de Natal, cobra da Coordenadoria de Administração Penitenciária (Coape) uma explicação sobre o ocorrido.G1RN.

Comente

mais dois meliantes fora de circulação - 06/03/2014

Poço Branco:Policias prende dois Miliantes na Operação Ressaca na quarta Feira de cinzas

foragido de Natal KLEIBER DE LIMA SILVA

o bom trabalho dos Policias de Poço Branco-RN que tem como comandante do destacamento Sagt João Batista vem fazendo prissões na Cidade tirando de circulação varios Meliantes como aconteceu nesta quarta feira de cinzas,presos durante uma operação realizada na quarta feira de cinzas, realizada pelo DPM de poço branco, que culminou com as prisões de um foragido da justiça de natal, de nome KLEIBER DE LIMA SILVA, que estava escondido na casa das poderosas, precisamente nos quartos de aluguel de Aleixo, o outro preso é ANTONIO PEQUENO DA SILVA por ter assaltado uma jovem e levado dela um notbook.informações do SGT Batista Comandante do Destacamento Local.

ANTONIO PEQUENO DA SILVA preso suspeito de roubar um notbook

Comente

Categoria exige implantação da unificação da bilhetagem eletrônica. Sindicato dos Permissionários diz que sistema já deveria ter sido implantado. - 06/03/2014

Em protesto, transporte alternativo de Natal baixa a passagem para R$ 1,50

Permissionários do transporte alternativo protestam e ocupam Prefeitura de Natal (Foto: Felipe Gibson/G1)

 O Sindicato dos Permissionários de Transporte Opcional de Passageiros do Rio Grande do Norte (Sitoparn) decidiu baixar, já a partir desta quinta-feira (6), o valor cobrado pela tarifa nos transportes alternativos de Natal. A passagem, que custa R$ 2,20, agora vale R$ 1,50. A medida é uma forma de pressionar o executivo municipal pela implantação da unificação da bilhetagem eletrônica, que devia estar em funcionamento desde o dia 25 de fevereiro.G1RN.

Comente

Vencimento é feito no primeiro dia útil de cada mês, mas critério não foi seguido para o benefício de fevereiro, que será pago na quinta - 06/03/2014

INSS atrasa pagamento de beneficiários que recebem acima do salário mínimo .

Cerca de 9,5 milhões de aposentados e pensionistas do INSS, com benefícios acima do salário mínimo, só vão começar a receber o pagamento de fevereiro a partir de quinta-feira, dia 6 de março. O calendário vai até o dia 12 deste mês. O pagamento para essa parcela de beneficiários é feito geralmente a partir do primeiro dia útil de cada mês. Desta vez, o INSS não utilizou o mesmo critério, pois a segunda-feira de carnaval não é considerada feriado, o que também vale para esta quarta-feira (Cinzas).

A mudança pegou alguns aposentados de surpresa e gerou reclamações nas redes sociais. Segundo dados da Previdência, foram 50 queixas, considerando o site oficial da pasta, incluindo o blog e a página do órgão no Facebook. No total, não estão contabilizadas as reclamações por telefone (135) e que são encaminhadas à Ouvidoria da Previdência.

Comente

Assim terminou o último dia de Carnaval de Poço Branco........ - 06/03/2014

ÚLTIMO DIA DO CARNAVAL DE POÇO BRANCO : PREFEITO AGRIDE FISICAMENTE O CANTOR DEDÉ SILVA , MAIS DOIS FOLIÕES E TAMBEM TEVE DISPAROS DE TIROS, CAUSANDO MED

O último dia de Carnaval em Poço Branco foi marcados por truculência, violência e desrespeito a todos os foliões da cidade,  bem ao estilo Maurício Menezes.

 
Tudo começou quando ele, o Prefeito,  se dirigiu até o palco e mandou o cantor Dedé Silva mudar o repertório, pois segundo ele aquilo não era “reggae”. Como Dedé Silva não mudou o repertório( e nem precisava, pois a música era reggae , sim , e as músicas da banda Swing do Gordinho estava agradando a todos os foliões- muito mais até que outras bandas que ali se apresentaram), o prefeito subiu no palco e , segundo vários foliões, e agrediu fisicamente o músico com um tapa nas costas dele, o qual saiu chorando com a cena de violência e por ver seu belo trabalho ser interrompido daquela forma- bruta e truculenta.

 Não se dando por satisfeito, o prefeito agrediu um folião , jogou copo na perna de uma  menina, deixando-a ferida. Após ser vaiada e, irritado com os foliões,  ele deu continuidade a sua brutalidade e violência: o prefeito iniciou vários disparos de arma de fogo e seus “capangas” deram sequência a atitude ridícula iniciada pelo seu patrão, segundo informações de vários foliões que estavam próximo ao palco.

A partir daí o clima de terrorismo tomou conta do Largo do Cachiadão:   medo,   tensão, alvoroço e corre-corre dos foliões, especialmente no momento dos tiros. Um verdadeira baderna promovida pelo Excelentíssimo Prefeito da cidade, deixando foliões, blocos e 
turistas extremamente decepcionados, tristes e frutrados com o que viram.

A indignação do povo e dos foliões já estão externadas nas redes sociais, as mesmas que fizeram o Prefeito realizar o carnaval- pois ele não queria-, e quando ele resolveu fazer, o  fez de última hora, de maneira desorganizada,  onde o próprio prefeito bagunçou a festa no seu último dia, botando todos os foliões para correr a tiros.

O último dia do carnaval/2014, em Poço Branco, será um dia que infelizmente não sairá fácil da memória de todos que ali estavam presentes, especialmente daqueles que amam nossa terra e o Carnaval de Rua de Poço Branco.
 

Comente

Carnaval de Macau mais uma vez foi um dos melhores do Estado - 06/03/2014

Gravação do DVD do Grafith no carnaval de Macau leva às ruas 250 mil pessoas

Banda Grafith arrastou uma multidão pelas rua de Macau. Foto:Canindé Soares

Até parece que o carnaval 2014 de Macau tem a mesma dimensão todos os dias em que a festa transcorre. Mas a medida que a folia avança, brota gente ninguém sabe de onde. Do primeiro dia do mela-mela, no sábado (1 de março), quando a Polícia Militar estipulou 150 mil pessoas no arrastão dos trios, passando para o domingo (2 de março) para cerca de 200 mil, nesta segunda-feira (3 de março), quando foi gravado o DVD especial da banda Grafith no percurso do mela-mela, já era cerca de 250 mil pessoas nas ruas, sem espaço para praticamente mais ninguém. As bandas Farra de Playboy e Radiola de Ficha completavam o percurso animando os foliões em dois outros trios.

A impressionante quantidade de gente veio estimulada pela propaganda feita nos dias anteriores por conta da gravação do DVD de carnaval da banda Grafith. Se nas fotos dos dias anteriores ainda era possível encontrar algum espaço no percurso do mela-mela, nesta segunda-feira a impressão era que espaço mesmo só no céu para o helicóptero que levava o fotógrafo Canindé Soares, que fez um sobrevôo para produzir fantásticas imagens aéreas que dão a dimensão real do que significa 250 mil pessoas na rua.Jornal de Hoje.

Comente

A ONU vem criticando de forma permanente a violência contra jornalistas no Brasil e apontando para a impunidade como um dos fatores agravantes - 06/03/2014

Governo vai anunciar medidas para proteção de jornalistas

Ideia é a de se criar um protocolo de proteção a comunicadores, que vai incluir ações e recomendações para o governo, polícia e meios de comunicação. Foto:Divulgação

O governo brasileiro vai anunciar um pacote de medidas para a proteção de jornalistas, inclusive no âmbito dos protestos que ocorrem pelo País. A informação é da ministra da Secretaria de Direitos Humanos, Maria do Rosário, que está em Genebra para reuniões na ONU.

Segundo ela, a ideia é a de se criar um protocolo de proteção a comunicadores, que vai incluir ações e recomendações para o governo, polícia e para os meios de comunicação.

Maria do Rosário indica que um dos principais pontos do protocolo é o treinamento das polícias para garantir a proteção de comunicadores. “A polícia tem a responsabilidade de proteger os comunicadores e não poderá impedir o acesso a espaços”, declarou.

Outra medida será a proibição de que as polícias confisquem ou destruam materiais de jornalistas, seja câmeras de vídeo, fotografia ou gravadores. “O protocolo vai falar na proteção integral dos equipamentos”, insistiu. “A polícia terá de ter isso em seu protocolo”, explicou.

Mas as recomendações também são direcionadas para os meios de comunicação, que serão orientados a garantir equipamentos aos jornalistas para que possam cobrir as manifestações.

Na semana que vem, o governo deve ainda anunciar o resultado de um trabalho de mais de um ano sobre a violência contra a imprensa, um estudo realizado em colaboração com as entidades profissionais e com a participação de relatores da ONU e da Unesco.Jornal de Hoje.

Comente